FANDOM


Nome: Samuel Thomas Wilson

Codinome: Falcão/Asa Negra

Equipes: Vingadores, Vingadores Secretos, Heróis de Aluguel, S.H.I.E.L.D.

Ocupação:

  • Ex- Soldado da Força Aérea
  • Ex- Agente da S.H.I.E.L.D.
  • Urbanista
  • Artista (Amador)

Parentesco:

  • Paul Wilson (Pai, Morto)
  • Darlene Wilson (Mãe, Morta)
  • Gideon Wilson (Irmão)
  • Sarah Wilson (Irmã)
  • Jim Wilson (Sobrinho, Morto)
  • Jody Casper (Sobrinha, Morta)

Primeira Aparição: Captain America Vol.1 #117

Origem

Sam Wilson nasceu no Harlem, teve uma infância feliz e o que mais gostava de fazer era cuidar de pombos. Um pouco mais velho, passou a ficou muito incomodado e assustado com o racismo que ele e toda sua etnia sofria. Certo dia, Paul Wilson, o pai de Sam é morto tentando parar uma briga. Sam fez de tudo para tentar se manter uma pessoa boa e foi um voluntário respeitado em uma cooperativa de pombos no Harlem. Dois anos depois da morte de seu pai, sua mãe é assassinada. Furioso, Wilson esquece seu passado e se muda para Los Angeles, virando o criminoso, gângster, cafetão e agressivo “Snap” Wilson. Enquanto ele marca uma viagem para o Rio de Janeiro tentando expandir seus domínios, seu avião cai numa ilha Caribenha chamada Ilha de Exilados. O lugar havia sido tomado pelos Exilados, um grupo de conquistadores do mundo que tinham colaborado com o nazismo do Caveira Vermelha durante a Segunda Guerra Mundial. Lá encontra um falcão de pelagem avermelhada e o nomeia de Asa Vermelha. O Caveira Vermelha estava na ilha e para atacar o Capitão América, que também estava lá, o Caveira Vermelha usa o Cubo Cósmico para fundir mentalmente Wilson ao Asa Vermelha, criando uma Ligação Mental. E assim, Sam ataca o Capitão. Em seguida, o Caveira usa o Cubo para reescrever o passado e remover os anos que passou como Snap. Nesta nova história, Wilson virou um correto assistente social que é atraído para a Ilha dos Exilados e organiza os nativos para lutar por sua liberdade. O Capitão América faz amizade com ele e convence Sam a adotar uma identidade para inspirar os nativos em sua rebelião. Os dois decidem que Sam usasse o codinome Falcão e os dois treinam juntos intensivamente antes de atacar e derrotar os Vilões. O Falcão se torna parceiro regular do Capitão América no combate ao crime. Durante muito tempo passa a admirar Rogers, querendo se tornar uma pessoa tão boa como ele. Os parceiros ficaram conhecidos pelo heroísmo nas ruas e eficiência durante anos, juntos enfrentaram muitos Super-Vilões e organizações racistas. Abalado e decepcionado com tanto racismo, depois de uma conversa entre eles, Sam diz que não pode mais ser seu parceiro porque estava furioso e queria usar outros métodos que talvez o Capitão não concordasse. Sam deixa claro que lutará pelo seu povo de forma mais ofensiva, assumindo um novo traje e se distanciando do amigo. Por um tempo mantém a promessa, mas depois vê que seus métodos só estavam piorando ainda mais as coisas e fica arrependido do que fez, voltando a formar uma dupla com Steve. Sam passa a se considerar fraco e acha que precisa de mais poderes, então recebe ajuda do Pantera Negra recebendo asas robóticas.

Poder

Habilidades